CLICK HERE FOR FREE BLOGGER TEMPLATES, LINK BUTTONS AND MORE! »

Saturday, February 23, 2013

O que chegou pelo correio... ♥


Encomendei este livro pela amazon há umas semanas atrás e desde então que tenho estado à espera, ansiosamente, pela sua chegada.

Qual não foi a minha surpresa quando, ontem, me deparei com esta encomenda na caixa do correio! Honestamente, estou incrivelmente animada para começar a ler esta história que, depois de todas as críticas que já li e de tudo aquilo com que me deparei na minha pesquisa pelo livro, já me deixou rendida aos seus encantos.

Deixo-vos, portanto, a sinopse deste livrinho que vou começar a ler o quanto antes e do qual podem esperar uma opinião o mais brevemente possível!

Surrounded by enemies, the once-great nation of Ravka has been torn in two by the Shadow Fold, a swath of near impenetrable darkness crawling with monsters who feast on human flesh. Now its fate may rest on the shoulders of one lonely refugee.

Alina Starkov has never been good at anything. But when her regiment is attacked on the Fold and her best friend is brutally injured, Alina reveals a dormant power that saves his life—a power that could be the key to setting her war-ravaged country free. Wrenched from everything she knows, Alina is whisked away to the royal court to be trained as a member of the Grisha, the magical elite led by the mysterious Darkling.


Yet nothing in this lavish world is what it seems. With darkness looming and an entire kingdom depending on her untamed power, Alina will have to confront the secrets of the Grisha…and the secrets of her heart.




Boas leituras!
Maria x

Wednesday, February 20, 2013

Book Haul: Fevereiro

Aqui vão os livrinhos que comprei ao longo deste mês:



Os Cus de Judas de António Lobo Antunes

As Intermitências da Morte de José Saramago
A Viagem do Elefante de José Saramago
The Waves de Virgina Woolf
A Lenda de Sapphique de Catherine Fisher


Estou extremamente entusiasmada para começar a lê-los a todos e partilhar a minha opinião sobre os mesmos aqui no blogue. Para além disto, e como não podia deixar de ser, tenho de referir o quão apaixonada estou por esta edição da Penguin de The Waves que, para além de ter uma capa linda, está cheio de pequenos detalhes que me deixaram rendida as seus encantos (para além do livro propriamente dito, temos toda uma série de anotações, análises do texto e listas com livros para aprofundar a leitura, bem como diferenças entre as edições britânica e americana).


Boas leituras,
Maria x

Friday, February 15, 2013

Opinião: Perdida

Título: Perdida
Autora: Carina Rissi
Editora: Baraúna

Sinopse: Sofia vive em uma metrópole e está habituada com a modernidade e as facilidades que isso lhe proporciona. Ela é independente e tem pavor à menção da palavra casamento. Os únicos romances em sua vida são os que os livros lhe proporcionam. Mas tudo isso muda depois que ela se vê em uma complicada condição.

Após comprar um novo celular, algo misterioso acontece e Sofia descobre que está perdida no século XIX, sem ter ideia de como ou se voltará. Ela é acolhida pela família Clarke, enquanto tenta desesperadamente encontrar um meio de voltar para casa.

Com a ajuda do prestativo Ian, Sofia embarca numa procura às cegas e acaba encontrando algumas pistas que talvez possam levá-la de volta para casa. O que ela não sabia era que seu coração tinha outros planos...

Opinião: Com uma escrita simples e livre de floreados, este livro consegue captar a atenção do leitor desde as primeiras páginas. Uma espécie de conto de fadas modernizado, este livro provou  ser uma leitura extremamente agradável e, sem dúvida alguma, deliciosa. Com uma protagonista incrivelmente carismática e com quem é fácil simpatizar e compreender, uma viagem pelo tempo, um cavalheiro do século XIX,  uma fada madrinha absolutamente bizarra, um cavalo protetor, espartilhos, vestidos enormes, quadros, livros, bailes, all stars vermelhos e uma busca enternecedora (ainda que, de certa forma, não intencional) pelo amor, a felicidade e o autoconhecimento dão a este livro uma aura romântica, hilariante e, no fundo, reflexiva.

Gostei imenso da forma como todo o enredo foi conduzido, um enredo que, ainda que talvez um pouco cliché, se torna absolutamente viciante. Todas as peripécias que Sofia vive acabam por se tornar reais para nós devido à desenvoltura com que tudo é narrado, e os sorrisos e suspiros que nos acompanham durante toda esta leitura encantadora, prazenteira e que, no fundo, nos transporta para uma experiência que, a algum ponto, todos nós já sonhámos viver, são totalmente inevitáveis!

Dou-lhe 4 de 5★!

Sunday, February 10, 2013

Opinião: Glitch

Título: Glitch (primeiro volume da trilogia Glitch)
Autora: Heather Anastasiu
Editora: St. Martin's Griffin

Sinopse: In the Community, there is no more pain or war. Implanted computer chips have wiped humanity clean of destructive emotions, and thoughts are replaced by a feed from the Link network.

When Zoe starts to malfunction (or “glitch”), she suddenly begins having her own thoughts, feelings, and identity. Any anomalies must be immediately reported and repaired, but Zoe has a secret so dark it will mean certain deactivation if she is caught: her glitches have given her uncontrollable telekinetic powers.

As Zoe struggles to control her abilities and stay hidden, she meets other glitchers including Max, who can disguise his appearance, and Adrien, who has visions of the future. Both boys introduce Zoe to feelings that are entirely new. Together, this growing band of glitchers must find a way to free themselves from the controlling hands of the Community before they’re caught and deactivated, or worse. But the more Zoe learns about beauty, joy, and love, the more she has to lose if they fail. With danger lurking around every corner, she'll have to decide just how much she's willing to risk to be free.

Opinião: Com um premissa extremamente apelativa e interessante, tenho de dizer que este livro foi uma enorme desilusão.

Apesar de ser, sem dúvida alguma, um livro de leitura simples e agradável, a escrita é bastante medíocre, o enredo é desenvolvido de forma demasiado linear (e, de certa forma, até mesmo cliché) e as personagens que percorrem e enchem estas páginas estão muito pouco desenvolvidas, chegando a ser bastante uni-dimensionais e sem qualquer faceta realista que consiga apelar ao leitor, para além de carecerem, obviamente, de complexidade e capacidade de cativarem quem lê a história.

Quanto à protagonista, achei-a extremamente fraca de espírito, incrivelmente dependente dos rapazes da sua vida (em especial de Adrien, por quem se apaixona logo nos primeiros capítulos do livro sem qualquer motivo ou explicação aparente para além do facto de... Bem... Ele estar lá), com todas as motivações para as suas ações a basearem-se, maioritariamente, nos supostos sentimentos que tem (ou deixa de ter) pelos rapazes. Achei Zoe demasiado complacente, com falta de personalidade, sem grande capacidade de bater o pé e não deixar que ninguém a maltrate. No entanto, nos últimos capítulos do livro começa a crescer enquanto personagem e a mostrar alguma personalidade, bem como força (a todos os níveis).

Em suma, Glitch é uma leitura leve e engraçada cujo final me deixou a pensar que, talvez, o próximo volume desta trilogia (uma trilogia que tem todos os elementos para conseguir ser muito melhor do que aquilo que este primeiro livro conseguiu atingir) poderá estar melhor construído e desenvolvido, daí que esteja ligeiramente ansiosa para o começar a ler.

Com tudo isto dito, dou a este primeiro volume 3 de 5★!

Wednesday, February 6, 2013

Selo ♥


Obrigada à querida Li Menina Mulher por este selo! :D


O Liebster Award foi criado para promover blogues com menos de 200 seguidores e tem como missão dar a conhecer novos espaços que acreditamos serem merecedores de atenção. Mas receber este selo não implica apenas festejar! Existem algumas regras para cumprir, são elas:


  • Lista com 11 factos sobre nós
  • Responder às 11 perguntas que nos atribuíram
  • Nomear 11 bloggers com 200 ou menos seguidores, colocar o link dos respectivos blogs neste post e avisá-los/las sobre os prémios
  • Fazer 11 novas perguntas para esses mesmos bloggers. Trabalho árduo, não é? Então vamos lá a isto!
11 factos sobre mim:

1. Adoro História;
2. Sou aluna do 10º ano de Línguas e Humanidades;
3. Tenho 15 anos;
4. Adoro ler e escrever;
5. Faço parte de uma companhia de teatro amador; 
6. Sou lisboeta mas agora vivo no norte de Portugal;
7. Sou extremamente teimosa;
8. Sou uma perfecionista desde nascença;
9. O género Fantástico é o meu preferido;
10. A minha comida preferida é a indiana;
11. Sou fluente em Inglês, daí que leia bastante nessa língua.

11 perguntas que me foram atribuídas:


1. De onde surgiu o nome do teu blog?
Honestamente, não sei... Conhecendo-me como conheço, provavelmente de inspiração momentânea. 
2. O que mais desejas, neste momento da tua vida? 
Ir estudar para o estrangeiro.
3. Qual o teu livro favorito?
Uhm... A coleção Harry Potter de J. K. Rowling ou a trilogia Fronteiras do Universo de Philip Pullman.
4. Quanto tempo de vida tem o teu blogue?
Alguns meses (faz um ano em Junho).
5. Atitude quotidiana.
Dar-me a 100% em tudo o que faço, sempre: lutar até atingir o meu objetivo.
6. O que é perfeito?
Um bom livro, uma chávena de chocolate quente, chuva a bater no vidro, música a tocar e cobertores à volta dos ombros.
7. Maior medo.
Morte.
8. Uma cor.
Azul.
9. Uma viagem.
Inglaterra, agosto de 2012.
10. Um autor.
George R. R. Martin.
11. Um desejo.
Viajar por todo o mundo, de mochila às costas e sem datas marcadas...

11 blogues:

1. Silk and Magic
2. Monster Blues
3. Bookeater/Booklover
4. Algodão Doce para o Cérebro
5. Chaise Longue
6. Tales of Gondwana
7. A Rapariga dos Livros
8. Reino de Addle
9. A Bibliófila
10. Leituras do Corvo Fiacha
11. Livros, Histórias e Mundos Fantásticos

11 perguntas para os blogues acima mencionados:

1. Qual é o teu género literário preferido?
2. Qual é o teu autor(a) preferido(a)?
3. Qual é o teu livro preferido?
4. Se não gostas de um livro, paras ou continuas a ler até chegares ao fim?
5. Porque razão decidiste criar um blogue?
6. Qual é a tua personagem preferida?
7. Qual foi o último livro que lestes?
8. Se pudesses ser um vilão, qual serias?
9. Qual foi o pior livro que alguma vez leste (ou aquele de que menos gostaste)?
10. Preferes ouvir música enquanto lês ou o silêncio?
11. Se pudesses tornar uma personagem real, qual seria?

Sunday, February 3, 2013

Opinião: The Magician's Apprentice


Título: The Magician's Apprentice (prequela de A Trilogia do Mágico Negro)
Autora: Trudi Canavan

Sinopse: Taking place hundreds of years before the events of The Magicians' Guild, The Magician's Apprentice is the new novel set in the world of Trudi Canavan's Black Magician Trilogy.

In the remote village of Mandryn, Tessia serves as assistant to her father, the village Healer. Her mother would rather she found a husband. But her life is about to take a very unexpected turn.

When the advances of a visiting Sachakan mage get violent, Tessia unconsciously taps unknown reserves of magic to defend herself. Lord Dakon, the local magician, takes Tessia under his wing as an apprentice.

The hours are long and the work arduous, but soon an exciting new world opens up to her. There are fine clothes and servants - and, to Tessia's delight - regular trips to the great city of Imardin.

However, Tessia is about to discover that her magical gifts bring with them a great deal of responsibility. For a storm is approaching that threatens to tear her world apart...

Opinião: Uma vez mais, Trudi Canavan não me desiludiu. Com um enredo extremamente interessante e personagens cativantes, a autora consegue pegar no mundo que conhecemos de A Trilogia do Mágico Negro e revelar-nos um dos momentos mais marcantes da sua História: a guerra entre Kyralia e Sachaka.

Adorei conhecer todo o passado destas terras e, especialmente, o que levou à criação da Guilda dos Mágicos. De forma suave, somos conduzidos, tal como as próprias personagens, pela vida e organização político-social daquele período e as alterações que a guerra trás consigo, até chegarmos à fundação de tudo aquilo que já conhecíamos.

No que concerne às personagens, adorei a Stara (uma jovem rapariga meia Elyne, meia Sachakan) e a sua história de descoberta e crescimento pessoal, bem como a sua luta constante por ser vista como uma igual pela sociedade extremamente patriarcal e dominadora que forma Sachaka. Para além disso, gostei imenso da sua eventual descoberta daquilo que considera ser digno de dedicar o resto da sua vida, aquilo pelo qual sempre lutou e acabará por conseguir atingir de uma forma intrigante e fascinante.

Gostei também imenso de Tessia, a nossa protagonista, uma jovem de famílias humildes que descobre que é uma Mágica na pior altura possível, sendo atirada para um mundo de poder que desconhece e tendo como companheiro Jayan, um rapaz (aprendiz de Lord Dakon, tal como Tess) que a despreza mas com quem acaba por crescer à medida que a história progride. Para além disto, adorei o facto de termos assistido ao nascimento da cura com magia e ao seu desenvolvimento com e através de Tessia, a primeiro Curadora de todos os tempos, descobridora deste ramo da magia e uma das fundadoras da Guilda dos Mágicos.

Para além dela, tenho de mencionar o Rei Errik de Kyralia, que achei absolutamente maravilhoso desde a sua primeira aparência no livro.

No geral, uma obra rica em detalhes e História, ótima para quem queira descobrir mais sobre este mundo maravilhoso e ver alguns factos intrigantes com que nos deparamos durante a leitura de A Trilogia do Mágico Negro terem a sua origem revelada (como, por exemplo, o deserto de Sachaka). Dou-lhe 4 de 5★!